5 tendências que estão impactando o mercado imobiliário em 2021

O cenário está em constante mudança e a transformação digital, como já vimos, tem acelerado essas mudanças tanto no mercado imobiliário quanto nos negócios em geral.

Além disso, há uma mudança de comportamento tanto do consumidor, quanto da economia e isso trouxe as novas tendências imobiliárias.

E pensando nisso, agora já é possível optar pelo imóvel ideal e que seja capaz de atender todas as necessidades do cliente, incluindo o conforto, segurança e tecnologia.

Acompanhe agora as 5 tendências do mercado imobiliário em 2021:

1. Uso de tecnologia

O uso de tecnologia para comprar imóveis é, definitivamente, uma das principais tendências do mercado imobiliário, assim como a própria sociedade, o setor segue abarcando diversos recursos modernos, de forma que possa aumentar seus lucros e proporcionar melhor experiência para os clientes.

Um exemplo disso é o uso de drones na captação de imagens aéreas de alta definição, uma ferramenta que vem se tornando cada vez mais presente e corriqueira no segmento. Outra realidade é a adoção de processos feitos inteiramente online, desde a visitação até a assinatura do contrato, algo essencial em tempos de pandemia.

2. Mudança no perfil das propriedades

Também é notável uma mudança no perfil das propriedades mais procuradas. Isso já era uma tendência nos últimos anos, mas se tornou ainda mais forte para 2021, dada a necessidade de ficarmos, eventualmente, mais em casa em função das medidas de restrição de circulação e de isolamento social.

Sendo assim, houve um aumento exponencial nas vendas de unidades que oferecem certos diferenciais, como mais espaço ou um cômodo exclusivo para home office. Trabalhar ou estudar remotamente passou a ser algo corriqueiro, assim como a realização de atividades de lazer que demandam um ambiente específico para isso.

3. Desburocratização dos processos

A internet vem mudando a maneira pela qual fazemos negócio, e a maior desburocratização dos processos deve ser uma das principais tendências do mercado imobiliário para 2021. Anos atrás, comprar, vender ou alugar um imóvel era sinônimo de horas perdidas em cartórios e processos burocráticos, não é mesmo?

Esse cenário mudou e, nos dias de hoje, temos plataformas e ferramentas que possibilitam que tudo seja feito de forma totalmente virtual. Isso inclui, por exemplo, a assinatura digital de documentos, tendo em vista que os próprios cartórios precisaram se adaptar às medidas de restrição e de isolamento social para não perderem o seu faturamento.

4. Sustentabilidade nos empreendimentos

A sustentabilidade era outro tema que já se encontrava em voga na sociedade nos últimos anos. Com isso, a aplicação do conceito, sobretudo nos novos empreendimentos, deve ser uma das principais tendências do mercado imobiliário para 2021. Vale lembrar que ele pode ser aplicado tanto na fase de obras quanto no dia a dia dos moradores.

Pensando em termos de construção civil, podemos ver o intuito de ser sustentável nos próprios projetos, com mais espaços verdes, além do uso de materiais recicláveis e madeiras de demolição, por exemplo. Para a rotina dos moradores, o conceito vem no reaproveitamento de água de chuva, uso de lâmpadas de LED e assim por diante.

5. Mais modernização na divulgação

Os corretores e imobiliárias que desejam se diferenciar em um segmento tão competitivo precisam, definitivamente, modernizar as suas estratégias de divulgação.

Por exemplo, utilizar as redes sociais, que hoje, são plataformas essenciais para aumentar a visibilidade e o brand awareness (consciência de marca).

Naturalmente, esse reconhecimento do consumidor é fundamental para alavancar as vendas e fazer um lançamento de ”sucesso”, pois possibilita alcançar um maior número de pessoas, mesmo que no ambiente virtual.

Concluindo…

Sendo assim, essas são uma das principais tendências do mercado imobiliário brasileiro para 2021.

Quando se falar em adquirir um imóvel novo, seja para investimento ou para morar o uso da tecnologia está presente em praticamente todas as etapas da negociação.

O mundo está cada vez mais digital e os interessados em comprar, vender ou locar uma propriedade também estão.

Portanto, os velhos anúncios de jornal vão ficando para trás, dando lugar às redes sociais, plataformas online, sites e marketing de conteúdo. Além disso, com a popularidade dos smartphones, o fortalecimento do mobile é uma realidade.

Quer saber mais sobre tendências do mercado? Leia também o artigo: Como as inovações tecnológicas impactam o mercado de loteamentos

Deixe um comentário

My New Stories

imobiliária digital
pós-venda no mercado imobiliario
comprar um terreno